Cada vez mais empresas focam seus negócios na internet

Foi incrível como a internet se popularizou aqui no Brasil rapidamente, há 10 anos atrás não se falava tanto em internet com abrangência em todas as classes sociais.

As redes sociais certamente fizeram o acesso a internet ganhar proporções consideráveis.

Lembro que quando comecei no Orkut tudo era muito limitado, não podia usar muitas fotos no álbum de perfil, os gifs ainda tinham muita popularidade, não pelos seus efeitos, mas pelo tamanho das imagens mesmo. Tanto que ninguém utilizava mensagens em imagens(memes) como atualmente, com vários efeitos visuais, as mensagens eram escritas em texto mesmo. Os vídeos de baixa qualidade e curtos.

Hoje parece não haver limites no uso de dados pelos servidores das redes sociais. São vídeos, imagens pesadas e muito mais...

E não acho que a internet ficou acessível devido ao baixo custo, pois o custo mensal de uma banda larga ainda é bem elevado para algumas classes sociais. Acredito que a internet deixou de ser prioridade para poucos e virou prioridade de muitos, mesmo com impacto no orçamento familiar.

Isso foi bom para empresas que já tinham suas marcas na internet, tanto ecommerce como sites institucionais. Pois aproveitaram o oba oba inicial no crescimento do número de usuários na internet e fincaram sua bandeira nesse território.

Para as empresas que ainda não fizeram nem mesmo um site institucional, é decerto que já cogitou essa possibilidade. Pois o número desses usuários que estão se acostumando a pesquisar empresas pela internet é muito grande. As pessoas primeiro pesquisam para depois procurar o local físico da mesma(caso ela não forneça serviços online).

É uma grande possibilidade de crescimento para os negócios da empresa em curto prazo. E ainda mais no longo prazo com bandeira já fincada.

Nessa "briga" do mundo virtual com o real, parece que o virtual está sobressaindo mais.

Comentar